Seleção do 1º turno da Bundesliga
Share:

Seleção do 1º turno da Bundesliga

A primeira fase da temporada da Bundesliga de 2018/19 foi jogada. Com a chegada do inverno e das festividades do final de ano, a competição iniciou sua pausa na segunda-feira (24). Depois das partidas da 17ª rodada — que marcaram o final do primeiro turno — a competição só voltará na reta final de janeiro, ficando paralisada basicamente um mês.

Diferentemente dos últimos anos, em que o Bayern de Munique dominou a competição, a primeira metade da atual temporada reservou surpresas para os fãs da Bundesliga. Liderado pelo suíço Lucien Favre, o Borussia Dortmund se colocou como o principal candidato a vencer o campeonato: 42 pontos, melhor ataque e a segunda melhor defesa (empatado com Bayern e Mönchengladbach). Fechando o grupo dos quatro primeiros que brigam por vaga na Liga dos Campeões estão Borussia Mönchengladbach e RB Leipzig, com 33 e 31 pontos, respectivamente. Wolfsburg e Frankfurt que possuem, respectivamente, três e quatro pontos a menos que o Leipzig, ocupam as últimas duas vagas para competições europeias.

Predominantemente com jogadores do líder Dortmund, a minha seleção da Bundesliga refletiu bem o que foi o campeonato em si. Bayern em baixa e mistura de revelações com jogadores já consolidados, além do renascimento de alguns medalhões. Por ser uma liga repleta de goleiros de qualidade, talvez tenha sido a posição mais complicada de encontrar “o melhor”. No comando do ataque, qualquer um dos atuais artilheiros do campeonato, que atuam na posição, caberiam sem mais delongas.


A posição de guarda-redes talvez seja a de mais qualidade na liga e, por isso, existem diversos nomes que seriam capazes de constar. Entretanto, os experientes Péter Gulácsi e Yann Sommer, se destacaram não só nos números, como também nas atuações, sendo decisivos em diversas partidas de suas equipes. O suíço de 30 anos foi o goleiro com mais defesas de chutes de dentro da área (45), mais clean-sheets (7), 4° colocado entre os goleiros com mais defesas no campeonato (58) e a melhor média de defesas feitas (76%).

Ignorando os números, o arqueiro do Mönchengladbach participou diretamente na boa campanha da equipe na Bundesliga. Consolidado na liga, titular da seleção da Suíça e em alto nível há algumas temporadas, Sommer não viveu — assim como o time em si — uma boa fase na temporada passada. Contudo, atualmente figura entre os melhores da liga e pode ser considerado o goleiro do 1º turno.


Apesar de ter atuado boa parte da competição como meio-campista, Joshua Kimmich foi e é melhor como lateral-direito. Indiscutível na posição no Bayern e provavelmente um dos melhores do mundo nela, o camisa 32 bávaro foi o 2º maior assistente da competição (7) e teve um exímio índice de acertos nos passes (91%/1202), além de ter dado 42 passes decisivos. Mesmo em um Bayern de altos e baixos, Kimmich foi o jogador mais regular e considerado por muitos torcedores o jogador do ano da equipe.

Há 1 ano na Bundesliga, Akanji, aos 23 anos, joga como veterano e passa a impressão que atua na liga há tempos. Pilar da defesa auri-negra e com 92% de precisão nos passes (793), o suíço pode ser considerado o melhor zagueiro da primeira metade do campeonato. Ao seu lado, uma das revelações da liga: Ibrahima Konaté. Aos 19 anos, o francês é um dos grandes nomes do Leipzig e sua entrada na equipe fez com que o time terminasse o 1º turno como a melhor defesa da competição.

Recentemente convocado para a seleção alemã, Nico Schulz fez uma boa primeira metade da Bundesliga. Em um Hoffenheim irregular e atuando como ala em boa parte das partidas, o lateral-esquerdo de 25 anos conseguiu apenas duas assistências. Ainda assim, suas características presam mais pelo lado defensivo, do que ofensivo. Nessa lacuna, também caberia Achraf Hakimi, do Borussia Dortmund. Mas, na minha visão, foi mais irregular do que o alemão e alternou entre partidas muito boas e muito ruins.


Possivelmente a posição mais inquestionável em questão, Axel Witsel e Florian Neuhaus foram os melhores meio-campistas da competição. O primeiro, pode ser colocado no hall das melhores contratações da temporada europeia. Por apenas €20 milhões, o belga foi contratado pelo Borussia Dortmund vindo de uma liga extremamente fraca e já não parecia ter mais pretensões na carreira. Aos 29 anos, foi o jogador que teve maior precisão de passes na Bundesliga: 94% (1146). Com atuações muitos regulares e fazendo o “feijão com arroz”, Witsel pode ser colocado até mesmo entre os melhores jogadores da competição.

O segundo, foi uma das surpresas do 1º turno da Bundesliga. Emprestado pelo Mönchengladbach ao Fortuna Düsseldorf na temporada passada, Neuhaus foi um dos destaques da 2. Bundesliga. Aos 21 anos, o camisa 32 dos potros foi o 2º maior assistente da competição (7) e chamou a atenção pela sua facilidade e qualidade de encontrar o último passe. Com certeza um dos maiores achados do Gladbach nos últimos anos.


Com apenas 18 anos, Jadon Sancho é um dos destaques da excelente temporada do Borussia Dortmund. Ao todo, o inglês já marcou seis gols em 17 jogos pela equipe auri-negra, sendo que só foi titular em 10 deles. Em três meses, o passe do inglês passou de 9,7 milhões para 87,9 milhões de euros (cerca de R$ 376,3 milhões hoje) — uma melhoria de mais de 800%. O jogador com maior aumento no valor de mercado desde setembro, 2º maior assistente da competição (7) e 1º com mais dribles bem sucedidos (42), Sancho é um dos principais nomes da liga e sem dúvidas a maior revelação.

Um dos melhores — senão o melhor — jogadores do 1º turno, Marco Reus renasceu na carreira. Atuando como um “10 clássico”, o camisa 11 auri-negro está próximo de alcançar a sua melhor versão (temporada 13/14). Sem lesões, Reus atuou em todas as partidas do primeiro turno e é peça-chave no esquema e na funcionalidade do Borussia Dortmund de Lucien Favre. Vice-artilheiro da liga com 11 gols, cinco assistências, um dos que mais finaliza (36), 6º colocado no número de grandes chances criadas (7) e de finalizações (36). Aos 29 anos, Reus sobrou no 1º turno da Bundesliga e foi o grande destaque do líder do campeonato.

Irmão do craque Eden Hazard, Thorgan Hazard está em franco desenvolvimento no Borussia Mönchengladbach e vai deixando para trás o peso do sobrenome. Nove gols, 6 assistências, jogador que mais deu passes decisivos (48) e que mais criou grandes chances (10) na liga. A importância do camisa 10 aos potros pode ser exemplificada em um dado: 41,6% de participação em gols da equipe na Bundesliga. Indubitavelmente um dos principais nomes do 1º turno e quiçá um dos melhores.


Aos 24 anos e na sua segunda temporada na Bundesliga, Sebastian Haller já atingiu, nesta temporada, o mesmo número de gols que fez na passada (9). E pra exemplificar melhor a sua evidente melhoria: é o maior assistente da competição (8), sendo o dobro da temporada anterior. Tudo isso com praticamente a metade de jogos comparado ao seu primeiro ano. Um dado que diz bastante sobre o temporada do centro-avante: ele participou de 50% dos gols do Frankfurt na liga alemã.

O que mais chama a atenção no francês de 24 anos é a capacidade que ele desenvolveu em não só fazer gols, como também criar jogadas: ele é o 3º que mais criou grandes chances (8). Eu entendo que é um pecado deixar Luka Jovic de fora, mas a importância de Haller e suas boas atuações — que foram além dos números — fizeram com que ele se tornasse peça-chave no funcionamento do time de Adi Hütter e um dos grandes nomes do 1º turno da Bundesliga.

Seleção do 1º turno da Bundesliga

GOLEIRO: Yann Sommer (Borussia Mönchengladbach).

DEFENSORES: Joshua Kimmich (Bayern), Manuel Akanji (Borussia Dortmund), Ibrahima Konaté (RB Leipzig) e Nico Schulz (Hoffenheim).

MEIO-CAMPISTAS: Axel Witsel (Borussia Dortmund) e Florian Neuhaus (Borussia Mönchengladbach).

MEIA-ATACANTES: Jadon Sancho (Borussia Dortmund), Marco Reus (Borussia Dortmund) e Thorgan Hazard (Borussia Mönchengladbach).

CENTRO-AVANTE: Sebastian Haller (Eintracht Frankfurt).

This error message is only visible to WordPress admins

Error: There is no connected account for the user 9712651680 Feed will not update.